Veja

6/recent/ticker-posts

 


Câmara municipal de Goiânia testam positivo para Covid-19 95 servidores


A Câmara Municipal de Goiânia tem 95 funcionários infectados por Covid-19. Já foram realizados 845 exames em 234 servidores, estagiários e terceirizados. Entre os considerados pacientes ativos, com capacidade de transmissão do vírus, estão 53 desses trabalhadores. Em outros 42 o teste sorológico quantitativo apontou a presença de anticorpos da subclasse IgG, ou seja, casos considerados curados e que não proliferam mais a doença.

Segundo o Legislativo goianiense, a primeira fase dos testes começou na última sexta-feira (5). Testes são executados pelo Pro-Life Laboratório de Análises Clínicas, por valor de R$ 352,5 mil, o equivalente a R$ 235,00 por exame. A decisão de realiaza testagem em massa foi definida depois que uma servidora ter sido infectada

O funcionamento da Câmara Municipal de Goiânia está suspenso, com exceção do serviço de segurança executado pela Guarda Civil Metropolitana, e retornará no dia 20 de junho de 2020. A preocupação é de evitar novas contaminações pelo novo coronavírus. Segundo a presidência da Câmara, somente com a testagem de todos os servidores é que há condições de definir, de forma confiável e segura, os procedimentos para a retomada gradual das atividades do Legislativo.

Segundo portaria assinada pelo presidente da Casa, Romário Policarpo (Patriota) – publicada no Diário Oficial do Município na última quarta-feira (10)-, poderão ocorrer Sessões Ordinárias e reuniões das Comissões que tratam do Plano Diretor, por meio virtual mesmo durante a suspensão.

Servidores da Casa que ainda não se submeteram à testagem deverão realizar o exame na sede do mencionado laboratório,  situado na Rua C-121, nº 446, Jardim América.



Postar um comentário

0 Comentários