Veja

6/recent/ticker-posts

 


TSE cobra explicações de Bolsonaro sobre denúncias de fraudes em 2018




O corregedor geral da Justiça Eleitoral, ministro Luiz Felipe Salomão, deu 15 dias para que o presidente Jair Bolsonaro apresente as provas que ele diz ter sobre uma suposta fraude no sistema eletrônico de um votação nas eleições de 2018. 

O ministro, que faz parte do Tribunal Superior Eleitoral, editou uma portaria determinando que toda autoridade que tenha relatado ou que venha relatar a ocorrência de fraudes ou irregularidades no processo eleitoral precisa apresentar evidências ou as informações sobre os fatos. 

 O Presidente do TSE, ministro Roberto Barroso, recebeu na segunda-feira, 22, em Brasília, parlamentares da comissão temporária da Câmara dos Deputados que discute implantação do voto impresso no país. O objetivo do encontro foi demonstrar que o processo eleitoral brasileiro é seguro. Barroso lembrou que a urna eletrônica surgiu exatamente pra combater as fraudes que aconteciam nas eleições com papel.

Postar um comentário

0 Comentários