Veja

6/recent/ticker-posts

 


O senador pelo Amazonas pede inclusão do governador Wilson Lima na lista de indiciados da CPI da Covid-19

 


O senador Eduardo Braga (MDB-AM) pediu neste domingo, 24, que o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC) e o secretário de Saúde do Estado, Marcellus Campelo, sejam incluídos na lista de indiciados do relatório final da CPI da Covid-19. Braga acredita que é necessário responsabilizar os líderes do Estado do Amazonas pela “situação de crise que o Estado viveu com a falta de oxigênio”. No período, cenas de caos foram registradas na capital Manaus, com pessoas correndo em busca de cilindros independentes para familiares internados em hospitais e muitas mortes atribuídas pela opinião pública à falta de ação para lidar com a crise. O senador usará a sessão da próxima terça-feira, 26, para apresentar um complemento de voto com o pedido. De acordo com fontes ouvidas pela Jovem Pan, se o adendo não for aceito, o parlamentar pode não votar pela aprovação do texto apresentado pelo relator Renan Calheiros.


O pedido de Braga mostra mais um sinal de conflitos internos entre os membros do “G7”, grupo considerado mais ativo na coordenação da CPI. Entre os senadores do grupo estão o presidente da comissão, senador Omar Aziz (PSD-AM), o vice-presidente da mesa, Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e o relator Renan Calheiros (MDB-AL). Até o momento, a lista de indiciados da CPI tem os nomes de 66 pessoas e duas empresas, entre eles estão o presidente da República, Jair Bolsonaro, o ex-ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, o atual ministro da pasta, Marcelo Queiroga, os três filhos de Bolsonaro que têm carreira política e o empresário bolsonarista Luciano Hang.

Gostou do conteúdo ? doe qualquer quantia para manter o site no ar

Postar um comentário

0 Comentários