Veja

6/recent/ticker-posts

 


Prefeitura de Goiânia cadastra mulheres imigrantes em programa social

 



A Prefeitura de Goiânia atendeu, nesta terça-feira (26/10), mais de 25 mulheres imigrantes venezuelanas, residentes em Goiânia e em situação de extrema pobreza, para que fossem cadastradas no programa Renda Família + Mulher. Os atendimentos foram realizados na sede da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres (SMPM). 

As mulheres atendidas são mães e chefes de família vivendo em situação de vulnerabilidade, que se sustentam como pedintes nas ruas da capital. Elas deixaram o país de origem fugindo da situação de miséria em que se encontravam.

Todas possuem o CAD Único, que é exigência para o cadastramento no programa de transferência de renda e já são assistidas pela Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social (Sedhs). A comunicação contou com o apoio da gerente de Relações Intersetoriais, Paola Cecília, que é de origem peruana.

Para a Secretária da Mulher, Tatiana Lemos, acolher essas mulheres é de profunda importância. “É uma questão de sobrevivência. Essas mulheres e seus filhos estão passando fome nas ruas e não podemos ignorar a necessidade do poder público em ter um olhar generoso para essas pessoas que são nossos irmãos latino-americanos. O prefeito Rogério Cruz sempre deixou claro que Goiânia é uma cidade que acolhe de forma igual todas e todos que aqui residem,” afirmou a secretária.

Postar um comentário

0 Comentários