Veja

6/recent/ticker-posts

 


Suíço é sequestrado e morto a tiros por causa de suposta dívida de R$ 12 mil reais

 

Suspeito de matar suiço foi preso em flagrante, em Goianésia — Foto: Polícia Militar/Divulgação
Suspeito de matar suiço foi preso em flagrante, em Goianésia — Foto: Polícia Militar/Divulgação


O suíço Aristo Deliyannidis, de 59 anos, foi sequestrado e morto a tiros por causa de uma suposta dívida de R$ 12 mil, conforme informou a Polícia Militar, em Goianésia, no centro de Goiás. 

Suiço Aristo Deliyannidis, de 59 anos, foi sequestrado e morto a tiros por causa de uma suposta dívida de R$ 12 mil, em Goianésia — Foto: Reprodução



Uma equipe do Batalhão Rural da PM estava realizando um cadastro de uma propriedade rural próximo ao local do crime, quando ouviu os disparos e conseguiu prender o suspeito de 27 anos em flagrante.

Ainda conforme a ocorrência policial, o suspeito disse que, enquanto dirigia por uma estrada vicinal, para fugir da barreira policial da rodovia, a vítima conseguiu puxar o freio de mão, fazendo com que o carro rodasse e batesse em um barranco. Em seguida, a vítima teria tentado fugir. No entanto, o suspeito confessou que, neste momento, efetuou três disparos contra o suíço, que ainda estava dentro do carro. Após isso, ele tentou fugir, mas acabou sendo preso pela PM. 

 De acordo com a polícia, os agentes o encontrou correndo em meio ao mato e, ao avistar os policiais, o suspeito apontou a arma e a corporação efetuou alguns disparos contra ele. Após isso, o suspeito se entregou, jogou sua arma e confessou que havia assassinado um homem. Ele foi detido e encaminhado à delegacia.

Postar um comentário

0 Comentários