Brasil; detectados grampos de espionagem telefônica nos Ministérios e nas Forças Armadas

 


As informações são da Revista Veja através do blog Radar do site da Veja, o Setor de Inteligência do Governo Federal emitiu um alerta para o Palácio do Planalto por terem identificado sinais de maletas com grampos de escuta na Esplanada dos Ministérios, onde trabalham os 23 ministros do Governo Bolsonaro. Além disso, militares afirmam também ter encontrado sinais desses aparelhos nas imediações do centro de comando das Forças Armadas.

Anteriormente, essas maletas com sinais de escuta também já haviam causado temor entre os juízes do STF. Para o leitor que não compreende do que se trata esses aparelhos, nós explicamos: são maletas que contém equipamentos de interceptação telefônica por dentro. Elas ficam escondidas num local, perto de onde desejam espionar, e emitem um sinal dentro desse perímetro, e este sinal é capaz de captar e gravar ligações telefônicas em tempo real. Vejam a foto da nossa matéria para visualizarem como costumam ser essas maletas.

Após o alerta do Setor de Inteligência, as autoridades de Brasília tomarão as medidas cabíveis para se precaverem, como trocar de celulares e evitar fazer ligações convencionais, que são mais suscetíveis a esse tipo de espionagem.

E essas maletas são produtos caros, e que necessitam de uma equipe técnica de qualidade para operá-las. Então, os autores dessa espionagem devem ser grupos de pessoas importantes, e com muito dinheiro. O Governo Bolsonaro tem muitos inimigos poderosos, dentro e fora do Brasil. Agora, resta saber se o Judiciário permitirá que se encontre os responsáveis, ou se vão protegê-los como fizeram no caso do Adélio Bispo e de tantos outros.

Postar um comentário

0 Comentários