Neymar mantém guerra judicial com Zélia Duncan

Veja

6/recent/ticker-posts

Neymar mantém guerra judicial com Zélia Duncan

 


O atacante do Paris Saint-Germain e camisa 10 da Seleção Brasileira Neymar Jr. desabafou em entrevista, em setembro, após um jogo do Brasil contra o Peru. Neymar questionava o motivo de “não ser respeitado por parte dos torcedores brasileiros”. Minutos depois, a cantora Zélia Duncan não poupou palavras ao falar sobre o jogador.

– Não sei mais o que fazer com essa camisa (do Brasil) para a galera me respeitar – havia dito o craque brasileiro. O que era uma resposta “sincera” da cantora em setembro se tornou caso de Justiça em outubro, quando Neymar solicitou judicialmente uma retratação de Zélia.

A defesa do camisa 10 da Seleção Brasileira, segundo o processo, acredita que as afirmações da cantora podem ferir a “honra de Neymar Jr., possivelmente difamando-o”. Ainda no trâmite, os advogados ponderam que as aspas de Zélia Duncan “ultrapassaram os limites da liberdade de expressão e delas podem ser inferidos potenciais reflexos penais”.

– Não sou de futebol, mas Neymar me parece até agora uma promessa como atleta e uma decepção como cidadão. quer respeito? Dê-se a ele e mostre serviço. Ah, e pague seus impostos – criticou a cantora, que apagou a postagem em seguida, na época.

Neymar vinha sendo criticado naquele momento por estar, supostamente, fora de forma. Naquele jogo, o atacante deu show, marcou um dos gols no placar de 2 a 0 e pediu mais respeito aos torcedores. Entre outubro de 2021 e janeiro deste ano, o processo – que corre em “segredo de justiça” – soma cerca de três meses sem um veredito.

Nesta sexta-feira, a defesa do jogador não ficou satisfeita com a “nada razoável explicação” enviada por Zélia Duncan à Justiça, em processo de difamação movido pelo jogador. Segundo o Uol, uma petição do autor justifica que ele teve sua honra ofendida ao ser chamado de “decepção como cidadão”.

Postar um comentário

0 Comentários