A distribuição de 2.629 cartões do programa Renda Família +Mulher. A segunda etapa de entregas contempla as beneficiadas com R$ 1,8 mil, em seis parcelas de R$ 300.

Em 2021, foram destinados R$ 7 milhões no programa Renda Família +Mulher. O número de beneficiárias chega a 6 mil.

Também avançam iniciativas que viabilizam a aquisição de moradia, como o programa Casa Verde-Amarela, que começa pela construção de 276 unidades no Conjunto Vera Cruz, de um total de 15 mil.

Inicialmente, foram distribuídos 253 cartões às mulheres cadastradas da região Centro-Oeste. No total, somente em fevereiro, os recursos alcançam mais de R$ 2,5 milhões, incluindo a quarta parcela de R$ 300 da primeira etapa, efetuada na sexta-feira (11/02).

Sobre o programa

O valor será pago em seis parcelas de R$ 300. “A transferência de renda é essencial para que as mulheres tenham acesso a alimentos para suas famílias”, disse o prefeito. “O valor deve ser gasto com despesas in natura em estabelecimentos localizados no município de Goiânia, o que também vai gerar movimentação na economia local”, destacou Rogério Cruz.

O auxílio financeiro é destinado a mulheres que residem em Goiânia e estejam em situação de vulnerabilidade social devido à pandemia de Covid-19. As inscrições estão abertas até o dia 31 de março. Para mais informações, as beneficiárias podem entrar em contato pelo direct do Instagram: @secretaria_mulher.

O auxílio será pago a mulheres que estiverem em, pelo menos, uma das seguintes situações:
• Perderam o emprego e renda.
•Trabalhadoras informais, autônomas e microempreendedoras individuais.
• Mulheres recém-saídas de abrigamentos.
• Mulheres com medidas protetivas em situação de abrigamento.
• Mães solo (inteiramente responsáveis pela criação dos filhos, sem ajuda do pai, a partir de 16 anos de idade).


16/02 – 16h

Escola Municipal Maria da Terra – Bairro Floresta