Polícia Civil prende homem e sua assessora após ele voltar a ameaçar delegados nas redes sociais

Veja

6/recent/ticker-posts

Polícia Civil prende homem e sua assessora após ele voltar a ameaçar delegados nas redes sociais

 


A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Cibernéticos (DERCC), prendeu nesta sexta-feira (06/5), no Setor Aeroporto, em Goiânia, um homem e sua assessora por ameaças, intimidações, calúnias e injúrias por eles praticados contra policiais civis. Foram cumpridos, além dos mandados de prisão preventiva, dois mandados de busca e apreensão – um em Goiânia e outro em Senador Canedo. A operação para cumprimento das ordens judiciais teve apoio da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE/GT3).

O homem que foi preso – um ex-policial civil – já havia sido detido pela PCGO, no dia 24 de abril, por coação no curso do processo, ameaça, difamação, calúnia, entre outros delitos, praticados no ambiente digital. Ele perpetrou os crimes contra vários delegados da Polícia Civil em vídeos postados em sua rede social, sendo investigado e preso, na época, em Senador Canedo. O investigado, no entanto, foi solto mediante habeas corpus e colocado em prisão domiciliar.

A Delegacia de Crimes Cibernéticos representou pela remoção de seu perfil em uma rede social. Apesar disso, ele e sua assessora voltaram a praticar os delitos, atacando a honra e ameaçando vários delegados novamente nas mídias sociais. Para tanto, o homem criou novas contas em aplicativos conhecidos e também usou a conta de sua assessora (coautora) para voltar a proferir os ataques aos policiais e perturbar a ordem pública. Por esta razão, a PCGO representou novamente pela prisão provisória de ambos, cumprida hoje.

Materia  publicada originalmente no site da policia Civil

Postar um comentário

0 Comentários