Está marcado para o dia 19 de outubro o julgamento de Gilmara de Farias e de sua companheira Brena Luane Nunes, acusadas de espancarem até a morte a menina Ketelen Vitoria da Rocha, de seis anos, filha de Gilmara.

Segundo o Ministério Público do Rio, entre os dias 16 e 18 de abril de 2021, Gilmara e Brena agrediram Ketelen na casa onde moravam, em Porto Real, no Sul Fluminense, com socos, chutes, pisões e chicotadas, além de arremessarem a menina de um barranco de cerca de sete metros de altura.

O motivo da série de agressões, segundo a Polícia, teria sido o fato da menina ter tomado leite sem pedir autorização da mãe e da madrasta.