Anestesista é preso em flagrante por estupro de uma paciente que passava por cesárea no RJ
Anestesista é preso em flagrante por estupro de uma paciente que passava por cesárea no RJ

Polícia vai analisar material biológico descartado por anestesista; equipe que desconfiou recolheu gaze no lixo


A audiência do médico será realizada hoje, no período das 13h às 18h, de acordo com o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ). Giovanni foi indiciado por estupro de vulnerável, cuja pena varia de 8 a 15 anos de reclusão. 

Anestesista é preso em flagrante por estupro de uma paciente que passava por cesárea no RJ
Anestesista é preso em flagrante por estupro de uma paciente que passava por cesárea no RJ



 Gravação e flagrante 


Um grupo de funcionários do Hospital da Mulher Heloneida Studart decidiu gravar a terceira cesárea para qual o anestesista Giovanni estava escalado no domingo (10) depois de notar, nas duas anteriores, um comportamento estranho do anestesista. 

 Na terceira operação do dia, elas conseguiram, de última hora, trocar a sala, esconder o telefone e confirmar o flagrante. 

 Os funcionários pegaram um celular e o posicionaram em um armário com portas de vidro, mas não acompanharam o procedimento e só viram o flagrante quando pegaram o telefone — razão pela qual não puderam interromper o crime.