Homem é condenado a 18 anos de prisão por matar ex-mulher na frente da filha

Um homem de 37 anos foi condenado a 18 anos de prisão por matar a ex-mulher na frente da filha em Valparaíso de Goiás, no Entorno do Distrito Federal. Um sobrinho que também estava na casa disse que Francisco Nascimento Sousa estava bêbado e drogado quando o crime aconteceu e tentou fugir, mas foi preso logo em seguida. 


O julgamento foi na última quinta-feira (30).Paolla Cristine da Silva Correia tinha 31 anos e foi casada por 15 anos e teve duas filhas com o Francisco. Segundo a polícia, ela tinha se mudado de Santa Maria, no Distrito Federal, para o município goiano, mas o ex-companheiro foi atrás dela.

O homem foi condenado por homicídio qualificado devido ao feminicídio, por motivo fútil e sem chance de defesa para a vítima. Ele segue preso desde o dia do crime.