Policia prende suposto pai de santo por estupros de mulheres que procuravam ajuda espiritual

 

Segundo a Polícia Civil, Gleidimar Primo da Silva, de 46 anos, usava da figura religiosa para atrair as vítimas.

Segundo a Polícia Civil, Gleidimar Primo da Silva, de 46 anos, usava da figura religiosa para atrair as vítimas.

 Ao menos seis mulheres, dentre elas duas adolescentes, foram ouvidas na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) e relataram que o homem se utilizava da religião e aproveitava da sensibilidade das pessoas para praticar os crimes sexuais.

A Polícia Civil apreendeu 12 facas com o homem dentro do suposto terreiro, quando ele foi preso na sexta-feira (26).

TSE nega pedido de excluir posts sobre fala de Lula: “Ainda bem que a natureza criou o monstro do coronavírus”