Padrasto é indiciado após enteado ter a perna triturada em máquina agrícola e falecer

 

Padrasto é indiciado após enteado ter a perna triturada em máquina agrícola e falecer

A Delegacia de Polícia de Alvorada do Norte concluiu hoje (29/12) as investigações sobre a morte de um adolescente de 14 anos de idade que operava um maquinário agrícola, na zona rural de Alvorada do Norte, no dia 24 de dezembro. De acordo com as informações do inquérito, apurou-se que a vítima estava ajudando seu padrasto em um serviço de roçagem e moagem de capim com a finalidade de fazer ração para o gado. O padrasto estava cortando capim com uma máquina do tipo roçadeira, o adolescente, por sua vez, pegava o capim já cortado e colocava na máquina de moagem, do tipo ensiladeira. Em determinado momento, o adolescente prendeu a perna no equipamento, tendo a perna e órgãos genitais dilacerados pelo maquinário.

Foi solicitado socorro no local do acidente e posteriormente o jovem foi levado para o hospital municipal de Alvorada do Norte. Não obstante o atendimento médico, a vítima foi a óbito por choque hipovolêmico. Foi constatado que a família explora os recursos naturais da propriedade rural como forma de subsistência familiar. O adolescente frequentava a rede pública de ensino e ajudava nas tarefas do lar apenas nas horas vagas.

O padrasto, de 35 anos, foi indiciado pelo crime de homicídio culposo por ter agido com negligência ao permitir que o adolescente operasse o equipamento. A máquina em questão não contava com nenhum tipo de mecanismo de segurança. O inquérito policial foi remetido ao Poder Judiciário para as medidas legais cabíveis.

Postar um comentário

0 Comentários