Veja

6/recent/ticker-posts

 


Caiado afirma que não valerá, em Goiás, o ato do presidente Jair Bolsonaro


O governador Ronaldo Caiado (DEM) afirmou nesta terça-feira 
que apenas os setores de alimentação e saúde poderão funcionar 
em Goiás a partir da publicação do novo decreto de isolamento.


O decreto será publicado no Diário Oficial ainda hoje (terça) ou, no mais tardar, quarta-feira. O texto passa por revisão na Procuradoria-Geral do Estado. 

Caiado afirma que não valerá, em Goiás, o ato do presidente Jair Bolsonaro que classificou como atividades essenciais os serviços de barbeariaacademias e salões de beleza. Há duas semanas, 

o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu que ,o assunto é competência 

de Estados e municípios. O governador disse que lamenta o que chama de “sinal trocado”. 

Postar um comentário

0 Comentários